Um retrato das três irmãs – 2014

0
229

O GTT – Grupo Teatral Ta’lento, mantenedor do Espaço Fábrica das Artes, retornou à cena teatral de Americana o espetáculo o drama Um retrato das três irmãs, baseado no clássico “As três irmãs”, de Anton Tchekhov. A décima sexta montagem do grupo estreiou no dia 17 de outubro, permanecendo em cartaz por duas semanas, de sexta a domingo, com apresentações às sextas (17 e 24/10) e sábados (18 e 25/10) às 20 horas e nos domingos (19 e 26/10) às 19h

Depois de se aventurar na construção de uma dramaturgia inédita partindo de “Hamlet”, o GTT se propôs  a um trabalho de aproximação, estudo e encenação de “As três irmãs”, um importante texto de outro autor teatral considerado clássico – Anton Tchekhov. “Levando em conta o número de personagens na peça e a quantidade de atores no projeto, foi necessária uma reelaboração na dramaturgia original, mas o objetivo sempre foi o de preservar o máximo do texto russo, de acordo com o interesse do GTT de trabalhar com uma dramaturgia pronta para que o foco na montagem fosse o trabalho dos atores e das atrizes”, revela Tiago Luz, diretor da peça. A escolha por um texto russo se liga à ideia do reconhecimento da tradição e influência dessa linhagem teatral, seja na encenação e trabalho de ator com os pesquisadores Constantin Stanislavski e Vsevolod Emilevich Meyerhold, por exemplo, assim como na dramaturgia com Máximo Gorki, Vladimir Maiakovski e o próprio Tchekhov.

Sinopse
Pense numa fotografia antiga sua. Você consegue se lembrar dos sonhos do passado? Quanto tempo se passou? Baseada em “As Três Irmãs” de Anton Tchekhov, o espetáculo mostra uma família da aristocracia de ex-militares Russos, os Prozorovs. As três irmãs Olga, Macha e Irina vivem com seu irmão Andrei em uma pequena cidade no interior da Rússia. Após a morte do coronel Prozorov, patriarca da família, a vida segue pacata, mas sempre com desejo de retornar a viver na maravilhosa Moscou de suas infâncias e sonhos, onde acreditam que seus anseios por melhores trabalhos, companhias e pretendentes se realizariam. Tchekhov recorta trechos de vida da casa dos Prozorov e este é o nosso retrato.

Sobre o trabalho
Dando continuidade a um trabalho iniciado no projeto “GTT 15 anos”, em 2010, que culminou no espetáculo “ ERRANTES- (Titulo Provisório)”, o GTT convidou novamente o ex-integrante e diretor Tiago Luz para uma nova montagem. No elenco, formado por atores e atrizes de diferentes gerações do GTT estão Juliana Gobbo e Marcelo Porqueres, fundadores do grupo, Carlos Eduardo Nascimento, Michaele Piasson e Luan Spark e Carla Biancalana, ex-alunos do curso livre do Fabrica que agora fazem parte do time do GTT.

O espetáculo Um retrato das três irmãs foi beneficiado com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, aprovado pelo Conselho Municipal de Cultura, ligado à Secretaria de Cultura e Turismo de Americana, lei 3078 de 22 de julho de 1997.

 

Ficha Técnica 
Dramaturgia: Anton Tchekhov
Adaptação e direção: Tiago Luz
Elenco: Carlos Eduardo Nascimento, Juliana Gobbo, Luan Izaias, Carla Biancalana, Marcelo Porqueres e Michaele Piasson
Iluminação: Marcelo Porqueres
Figurinos: GTT
Trilha Sonora: Rick Lupe e Tiago Luz
Equipe Técnica: Christian Lima e Gisele Cimony
Participação no processo: Luciana Mizutani
Produção: GTT

Anúncio