Maria Carolina Schiavon

0
69
Olá! Tudo bem? Meu nome é Maria, sou publicitária e uma aventureira recente no campo teatral.
Minha iniciação no Fábrica das Artes foi em 2018 com o Curso Livre de Teatro. De lá para cá, subi ao palco com as mostras de alunos de 2018 e 2019 com as montagens: Como identificar um adeus e O homem cinzento (2018, sob orientação de Bruno Cardozo), Pequenas histórias de ninar gente grande (2019, sob orientação de Marcelo Porqueres) e Homens de Papel (2019, texto adaptado de Plínio Marcos, sob orientação de Marcelo Porqueres).
Para além do curso livre, participei da oficina “A poesia do corpo em cena” ministrada por Viviane Palandi em 2018. Do workshop de dança-teatro concluído com o exercício cênico aberto ao público “Querida” sob orientação de Matheus Luis no CCL de Americana em 2018. Do workshop “Cascatas cômicas para palhaços e afins” do grupo LaCascata Cia Cômica em 2019. Da oficina “Campo de Visão” ministrada pelo professor Marcelo Lazzaratto (Unicamp) e promovida pela Mostra Cena Bárbara de Teatro de 2019.
Anúncio
COMPARTILHAR
Artigo anteriorAllan Gatti
Próximo artigoSabrina Silva