16.9 C
Americana
domingo, 2 outubro, 2022
Início Notícias NOVO PROJETO DE LEITURAS DRÁMATICAS DE TEATRO NO FÁBRICA DAS ARTES

NOVO PROJETO DE LEITURAS DRÁMATICAS DE TEATRO NO FÁBRICA DAS ARTES

O novo projeto do GTT-Grupo Teatral Ta`lento não é um novo espetáculo, e sim, um estudo, sobre Teatro. O Grupo se aprofundará em suas práticas, abrindo sua sede (Fábrica das Artes) e convidando artistas de outros grupos e estudantes para debates e estudos conjuntos sobre alguns temas relacionados a autores, atrizes, atores e algumas peças teatrais. Para mais informações, entrar em contato pelo Whatsapp (19) 99191-7418 e falar com Marcelo.

Serão encontros quinzenais com leituras dramáticas de textos teatrais, abertos ao público, sob orientação e coordenação pedagógica do Diretor Marcelo Porqueres.

A  provocação para esses primeiros encontros será a pergunta:

“Onde é o lugar do Teatro?”

O texto a ser debatido será “Navalha na Carne” do Teatro Marginal de Plinio Marcos. O primeiro encontro será no dia 01 de setembro (quinta-feira) as 19:00hs no Fábrica das Artes. O primeiro encontro é aberto a quem quiser participar.

Já estão confirmados para o primeiro encontro três grandes nomes da cena teatral de Americana:

Jotapê Antunes.

Jotapê Antunes é artista da cena e arte educador e desenvolve suas criatividades na CASA DOIS JOÃO.
Licenciado em Artes Cênicas pela Universidade Federal de Ouro Preto e técnico em arte dramática pelo Conservatório Carlos Gomes.
Orienta a turma infantil de teatro do Curso Livre do Fábrica das Artes.
Em sua caminhada de quase 20 anos de palcos e ruas já trabalhou com diversos grupos e artistas como Chico de Assis, Teatro do Tumulto, Grupo Di Atus, Otávio Delaneza, Luciana Mizutani, Julia Veras.
Já participou de treinamentos e oficinas com Enrico Bonavera, Lume Teatro, Grupo Galpão, Barracão Teatro, Zeca Ligiéro entre outros.

Sérgio Costa

Sérgio Costa é formado como ator na faculdade de teatro e artes em Utrecht, Holanda, em 1993. Trabalhou lá com teatro e televisão pelos próximos 4 anos, quando voltou ao Brasil.
Criou o grupo peripatéticos com seu amigo e diretor Odair Vedovato. A Cia trouxe ao palco algumas produções como “O dedo e o medo”, “o homem amarelo” e “Ética 10”. A partir daí, passou a trabalhar com seu amigo e diretor Marcelo Porqueres do grupo GTT, no Fábrica das Artes. Produziu “Snaporaz”, “Sobre cenouras e macacos” e “Aspones”. A pandemia interrompeu o processo, mas nesse meio tempo continuou apresentando “Ética 10”.

Élida Garcia

Élida Garcia iniciou no teatro em 2015 no curso livre do Fábrica das Artes sob a direção de Otávio Delaneza, e continuou sobre a direção deste em 2016, quando participou do espetáculo “Via Crucis: A Paixão de Cristo”, vivendo a personagem Herodíades. Em 2016 entrou para o Grupo Teatral Ta’lento (“GTT”), participando do espetáculo “Viva Revolução” nos anos de 2016 e 2017, com a personagem Benedita, sob a direção de Marcelo Porqueres. Em 2017 participou do experimento “Absurdas”, também sob a direção de Marcelo Porqueres e apresentado na Casa Herman Muller. No mesmo ano entrou para o Grupo Teatral Gaia, no qual participou do espetáculo “Temporal”, com texto e direção de Jorel Ivens. Fez curso de produção de eventos Cultural Artístico no Senac, sob orientação de Bell Pollesi. Fora dos palcos, participou como sonoplasta em “Dê Cenouras a Macacos” do grupo Peripatéticos e como técnica de iluminação em “Presepada” do GTT. Também foi Secretária e técnica de sonoplastia das turmas Jovens e Adultos, Adolescentes e Adulto no curso livre de teatro do Fábrica das Artes de 2017 a 2019. Já no ano de 2018 fez o espetáculo infantil João e Maria na Floresta da Bruxa Dentuça sob a direção de Jotapê Antunes. E em 2019 estreou o espetáculo “Os Aspones” com o grupo Peripateticos sob direção de Marcelo Porqueres.

Relembrando que os interessados devem entrar em contato pelo Whatsapp (19) 99191-7418 e falar com Marcelo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
- Ajude a manter o espaço -

Most Popular

Recent Comments